Saúde

Oficinas Terapêuticas completam seis anos em Tapera

Nesta quinta-feira, 09/08, os grupos das Oficinas Terapêuticas em Saúde Mental confraternizaram e comemoraram os 6 anos de oficinas. O evento aconteceu no pavilhão do bairro Progresso.

A secretária de Saúde, Marisa de Souza de Vargas, falou da grande alegria em ter um grupo tão grande participando das oficinas: “fico muito feliz por participar, de alguma maneira, da vida de vocês. Ampliamos o atendimento para três grupos e o comprometimento da equipe, mesmo reduzida, é muito grande”, comentou. Para o coordenador das Oficinas Terapêuticas, Guilherme Balensiefer, a participação das pessoas e a busca pelas oficinas demonstra o quanto o trabalho é realizado com carinho, para melhor atender a comunidade.

A oficineira Berenice da Cunha comentou que está há seis anos desenvolvendo atividades com os grupos e que muitas pessoas já passaram pelas Oficinas Terapêuticas: “vocês são muito importantes na minha vida. Eu aprendo com vocês mais do que ensino”, argumentou. Para Fabrício dos Santos, oficineiro há quase quatro anos, a troca de experiências é muito gratificante: “são poucas as cidades que oferecem esse tipo de atendimento e ele é de suma importância”, enfatizou.

A usuária Sirlei Machado declarou que participar dos encontros é uma alegria: “sou muito feliz por poder conviver com o grupo. As oficinas já fizeram muito por mim”. A usuária Terezinha Lourdes Schneider Staudt disse esperar com ansiedade pelo dia do encontro semanal.

Para encerrar a rápida solenidade, o vice-prefeito Jorge Luiz de Quadros declarou estar muito feliz com os depoimentos ouvidos: “a cada dia todos nós temos a oportunidade de fazer alguma coisa, de aprender, melhorar e deixar o mundo melhor. Pelo que ouvi e conheço, os encontros dão resultado positivo. O nosso objetivo, como Administração Municipal, é trabalhar para melhorar a qualidade de vida dos taperenses”.

O grupo rezou um Pai Nosso e cantou “Parabéns a você”. Após foi servido lanche.